…metade de 50!

9125dias, metade de 50 anos.

Meus poucos 25 anos muito bem vividos e não trocaria por nenhum.

Geralmente nessas épocas a pessoa olha para trás e pensa: que porra eu fiz da minha vida até hoje?

Refleti sobre o que fiz, o que não fiz, o que eu quero fazer, meus planos futuros, o que já realizei até hoje…

Em uma dessas indagações conclui que desde pequena sempre acreditei que os sonhos se a gente corre atrás deles, se tornam realidade.

Eu sou uma eterna sonhadora com os pés no chão, não adianta você só sonhar,  se viver  de suspiros a vida passa e você não realizou nada, sonhar é ótimo, mas não esqueça de fincar os pés.

Melhor que viver em mundo de sonhos é viver onde eles se realizam.

Meu primeiro sonho era ter uma casa da Barbie, me comportava o ano inteiro, tirava boas notas no colégio para escrever ao Papai Luis Noel o meu desejo.

Na noite de Natal colocava meu sapatinho do lado da cama na espera do meu tão sonhado presente. Ao acordar lá estava ela, linda, enorme, quase do meu tamanho, de 2 andares, branca e rosa. A partir desse dia eu sabia que os sonhos podiam se tornar realidade, se eu corresse atrás e fizesse por merecê-los.

Você deve estar pensado: que menininha mimada era só pedir que os pais davam, assim fica fácil realizar sonhos.

Sou muito agradecida por meus pais terem condições de me proporcionar uma infância repleta de brinquedos, mas o que a pessoa constrói e aprende na vida não vem do material e sim da educação e do amor da família.

Desde pequena quando rodava pelos quatro cantos da Bahia com meu pai, conheci as mais diversas histórias de vida e aprendi que sonhos podem ser de vários tamanhos, alguns tem preço, outros não, uns são simples como uma passagem para trazer o filho que está longe de volta, uma água que cai na torneira de casa, uns são incomensuráveis como a chuva para molhar a plantação de feijão,  e que os mais belos são aqueles conquistados com nosso suor.

Até a sexta série sonhava em ser veterinária, sempre gostei muito de animais, na sétima resolvi que queria ser jornalista ou cineasta por causa da minha paixão pela escrita e pelo cinema.

Até que no primeiro ano conheci outra paixão da minha vida: FÍSICA. E agora José? Escrita ou exatas? Eis que no terceiro ano meu verdadeiro amor surge: Física 3: Eletricidade(pode me chamar de maluca, já estou acostumada). Sabe quando seus olhinhos brilham e você sente que encontrou o próximo sonho, é isso que eu quero.

Fui crescendo e meus sonhos iam se moldando de acordo com os meus aprendizados e vivência, o bom empirismo.  Não acho que os sonhos são estáticos, eles são como nós que acordamos uma pessoa e dormimos outra, estão em constante mudança. Você nunca sabe quando será surpreendido pela Big Idea que pode mudar seus sonhos e vida de uma hora para outra, dar aquele super 360 estilo turnê do U2.

É isso que eu quero, meu próximo sonho: Engenharia Elétrica, mas onde? Vamos ao oráculo, Google, eis que surge a UFCG, uma das melhores universidades do Brasil do curso. É essa que eu quero! Campina Grande fica onde mesmo?

Estuda milinha estuda…mais um sonho realizado: passar no curso que eu queria e na universidade que escolhi.

Como dizem: Elétrica é fácil de entrar, o difícil é sair.

Estuda milinha, estuda… 14 de dezembro de 2010 defesa do meu TCC, curso concluído com chave de ouro. Mais um sonho.

Meu próximo sonho era poder voltar à minha terrinha amada, Bahia, e ficar mais próxima da minha família e amigos. 5 anos de saudade só se vendo duas vezes ao ano, tava na hora de voltar, já tinha conseguido minha graduação que era o principal.

04 de janeiro de 2011, resultado do mestrado da UFBA, lista dos aprovados: Camila Maciel Andrade. E meus olhinhos brilham mais uma vez.

Eu sempre fui de correr atrás do que eu quero, principalmente no quesito realizar meus sonhos, mesmo que precise me estrupiar, me virar em mil estilo BomBril, me estabacar, se errar aprende com erro,  levanta a cabeça e continua, eu persisto até conseguir.

Não tenho medo de trabalho, me chamavam de maluca porque no meu último semestre estava com 7 disciplinas, 2 delas valiam por 4 de tanto horário extra e eu ainda me atrevia a fazer os trabalhos mais complicados só pela vontade de aprender e meu TCC que fiz com prazer e conclui no prazo certo, e ainda era da comissão de formatura, só quem organiza festa sabe o trabalho enorme que é, mas eu tinha uma meta que me fez conseguir, era se eu fosse aprovada no mestrado cuja inscrição fiz em outubro, só faltaria o estágio e como eu tinha disciplinas a mais dava para fazer em 120h e colaria grau antecipado.

Eu consegui, 14 de março colação de grau, 17 de março início do mestrado da UFBA, de volta à minha terrinha amada, mais um sonho realizado.

18 de junho de 2011 mais um sonho para correr atrás. WESolve!

E eu não descansarei até ver a WESolve no ar.

Mesmo que eu não ganhe PN, sabe quando você sente lá no fundo que precisa dar sua contribuiçãozinha ao mundo, que pode fazer algo importante para ajudar a fazer desse mundo maluco em que vivemos um pouquinho melhor.

Epa, peraí e Porto Velho? Isso ainda é uma incógnita, até receber o sim ou não ainda há esperança de conseguir o emprego dos meus sonhos, sabe aquele emprego que junta a sua disciplina predileta da graduação, o tema do seu TCC (esse foi foda, eu escolhi o tema sozinha, sugeri e meu orientador aceitou, sempre pensei que seria um sonho conseguir trabalhar com HVDC), o aprendizado do seu estágio, sua ênfase, a pesquisa e as disciplinas já cursadas do mestrado, e o melhor de tudo poder contribuir e participar da história do Brasil.

Mesmo que Porto dê certo, que eu espero muito que dê, meus dedos já estão roxos de tanto que já estão cruzados, não desistirei do meu mestrado, vou tentar continuar minha pesquisa, o emprego é só até final do ano que vem, quando retornar termino as 3 disciplinas que faltam. Tenho como metas virar doutora de verdade, com doutorado.

E a WESolve também vai continuar mesmo se eu estiver longe, é só ter conexão que tudo se resolve, afinal eu sou uma Top Solver =)

Outro sonho é terminar de escrever meus livros e quem sabe até publicá-los.

Tão importante quanto nossos grandes sonhos que movem nossas vidas, são as pequenas e simples realizações diárias que juntas formam o Big Dream de todo mundo: ser feliz.

Eu não deixo para ser feliz só quando realizo grandes sonhos, hoje estou feliz realizei um grande sonho, pronto amanhã volto a reclamar da vida e ser infeliz até realizar o próximo.

Não é assim que minha banda toca, eu sou muito feliz todos os dias porque eu faço dos simples momentos grandes acontecimentos, a cada dia eu realizo sonhos e construo novos.

Um abraço apertado bem demorado de mainha, cantar Oasis junto com meu irmãozinho no violão,  Heineken gelada com amigos, assistir o jogo do Baêa no Pituaço, acertar no tom do vermelho,  inventar uma receita nova de chocolate quente de lamber o beiço , ir comprar uma torta para dar de presente no dia do amigo àquela amiga que você tem desde quando se entende por gente e ao chegar em casa sua mãe diz que ela deixou um negócio para você e  é exatamente uma torta, olhar fotos dos tempos de infância e rir até a barriga doer, um filme que te faz chorar litros pela super história e beleza, conversas jogadas ao vento, um livro que te acrescenta algo, conhecer pessoas novas, belas paisagens, viagens, escutar aquela banda que você adora no último volume e se acabar de cantar…

Acabei de perguntar ao meu irmãozinho de 16 anos qual seu maior sonho de vida:

“Meu sonho é ter 3 filhos, ser um pai muito bom, ter uma esposa. Não quero ser rico, só quero ter um bom emprego para dar uma boa vida à minha família e ser feliz.”

Acho que esse negócio de não querer ser rico é de família.

Aprendemos direitinho que a felicidade não esta nos bem materiais e sim nas pessoas e nos momentos que você viveu, é isso que a gente leva na vida.

PS: \o/ fotos de braços abertos são tão minha cara, não sei porque, mas adoro tirar foto assim, acho que dá a sensação de liberdade, de vontade de abraçar aquele momento,  essa foto foi em um lindo rio em Barreiras, interior da Bahia.

…ao som de Radiohead!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: